Início >> Docentes da Unicamp recebem Prêmio Nanocell

Docentes da Unicamp recebem Prêmio Nanocell

 
 
 
  • A médica Íscia Cendes
  • O químico Oswaldo Luiz Alves
A médica Íscia Cendes

A médica Íscia Cendes

 
O químico Oswaldo Luiz Alves

O químico Oswaldo Luiz Alves

 

Dois docentes da Unicamp acabam de ter seus nomes anunciados para ganhar o I Prêmio Cientista e Empreendedores do Ano do Instituto Nanocell. São eles os professores Oswaldo Luiz Alves, do Instituto de Química (IQ), e Íscia Cendes, da Faculdade de Ciências Médicas (FCM). A divulgação dos vencedores ocorreu durante o Congresso de Biotecnologia Sustentável na Biodiversidade Amazônica, realizado no Instituto de Pesquisas da Amazônia (Inpa), em Manaus, no último dia 20 deste mês. A previsão de entrega do prêmio é até dezembro deste ano.

O Instituto Nanocell selecionou, com base no currículo dos cientistas e empresas com maiores números de indicações, aqueles que tinham méritos científicos e ações afirmativas, suficientes para seguirem na premiação. Ao todo foram 36 cientistas e mais seis empresas. Foram oito meses de trabalho, com mais de 11 mil participações nessa primeira edição do prêmio, que tem como objetivo apoiar e difundir a ciência e o desenvolvimento tecnológico no país. O seu escopo é reconhecer e divulgar trabalhos inovadores nas áreas de ciências, educação e saúde pública. Os trabalhos se enquadram em temas de biologia geral; biotecnologia aplicada à saúde; pesquisas com células-tronco humanas; nanotecnologia: da produção à aplicação; câncer: da prevenção à cura; e neurociências, novas perspectivas para uma vida melhor. 



Segundo Oswaldo Luiz Alves, esse prêmio distingue a excelência na pesquisa em nanotecnologia. No caso dele, as pesquisas vão desde a produção de nanoestruturas e nanossistemas até a sua aplicação frente a sistemas biológicos, remediação ambiental, embalagens e tecidos antibacterianos. Todas essas produções foram patenteadas pela Agência Inova Unicamp. “Fico muito satisfeito por ter sido escolhido e por todas as contribuições para que essas pesquisas se destacassem”, disse.

Para Íscia Cendes, que estava viajando quando saiu o resultado, o processo de escolha dos premiados foi muito interessante, já que as indicações partiram de colegas pesquisadores e a escolha dos vencedores foi também por votação dos pares através da Internet (Facebook) e de membros de comitê de assessoramento de fundações, associações, sociedades científicas, educacionais brasileiras e estrangeiras de diferentes instituições públicas e privadas. "Ser reconhecida pelos meus pares é uma grande honra e compartilho a homenagem com todos que trabalham ou trabalharam comigo, ajudando nos projetos. É importante também compartilhar essa distinção com toda a sociedade, já que nossa pesquisa só é possível com o apoio dos órgãos oficiais de fomento e da universidade, sendo que esses obtêm seus fundos dos impostos pagos por todos.” 

Fonte: http://www.unicamp.br/unicamp/noticias/2016/10/27/docentes-da-unicamp-re...